Dicas de Cursos Online para Concursos Públicos

Dica de Estudo: Como tirar o sono para estudar a noite

Tem problemas para conseguir estudar para concursos a noite? essa dica é para você :)

45

Estudar para concursos públicos é realmente uma maratona! A maioria das pessoas não dispõe
de muitos horários livres, e acabam sacrificando as horas de sono em prol dos estudos. Mas será
que estudar com sono adianta?

Também não é raro que estudantes que dormem bem sintam sonolência durante o dia,
principalmente quando estão lendo, se essa pessoa já dormiu as 8 horas noturnas necessárias,
o que fazer para não sentir sono?

A boa notícia é que a solução é muito mais simples do que você imagina! Conheça alguns fatores
que contribuem para a sonolência:

 

• Iluminação inadequada

 

Se você se pergunta o que fazer para não sentir sono, o primeiro passo pode ser
iluminar seu local de estudos de maneira correta.

A luz está intimamente ligada com a forma como o corpo percebe se é hora de dormir
ou não, porque a luz faz com que a retina estimule o cérebro a se manter acordado.

Para te ajudar, além da luz natural procure ter sempre uma luminária com luz branca
por perto enquanto estuda.

 

• Alimentação

 

Quem nunca sentiu o corpo mole após o almoço? Isso está relacionado a digestão!

Para estudar o cérebro necessita de maior irrigação sanguínea e oxigenação, mas
quando comemos uma refeição grande o corpo entende que precisa dar prioridade ao
processo digestivo fazendo com que o estômago seja melhor suprido.

Por isso, tente programar seu horário de estudo longe das refeições principais, que
costumam ser maiores e provocar a sonolência.

 

• Não dormir o suficiente

 

Pode parecer demasiadamente óbvio, mas é extremamente importante que você
consiga dormir ao menos 8 horas por noite a cada 24h acordado para que seu
rendimento durante o dia não caia tanto.

O sono noturno é fundamental para quem está estudando, porque somente quando
alcançamos o sono profundo da noite é que a memoria conseguirá guardar informações
importantes.

Até aqui te demos dicas bem básicas, sobre como lidar com o sono durante o dia, certo? Mas se
o único horário que você tem disponível para estudar for a noite, e você estiver precisando de
dicas de como tirar o sono para estudar a noite, continue lendo:

 

1. Prefira estudar online

 

Lembra o que falamos sobre a luz estimular você a ficar acordado? Pois bem, outra forma de
usar isso a seu favor, é estudar com notebook e tablet durante a noite!

Você já reparou que o brilho da tela incomoda seus olhos quando você os usa a noite? É
exatamente esse efeito que irá te ajudar a se manter acordado.

 

2. Tome café

 

O café é sem sombra de dúvidas a bebida mais procurada por quem precisa se manter alerta.
Se você não gosta do sabor da bebida, procure por outros alimentos que possuam cafeína em
grande quantidade, como alguns chás.

 

3. Tenha regras com seu sono

 

Na correria para cumprir tudo que seu dia exige e ainda estudar, sobra pouco tempo para
dormir, portanto, é necessário que você abra mão de distrações e aproveite ao máximo o tempo
que você tem para estudar evitando que só sobre para os estudos os momentos em que já está
cansado no fim do dia.

Lembre-se que como dito anteriormente, é preciso dormir para memorizar o que você estudou,
portanto, o seu horário de estudo deve dar margem para que você durma bem.

 

4. Leia em voz alta

 

Pode parecer besteira, mas isso será o suficiente para estimular outras áreas do seu cérebro
fazendo com que o sono ou a preguiça sejam superados.

 

5. Movimente-se

 

Não está mais resistindo ao sono? Então está na hora de levantar e dar alguns pulos! Esse
pequeno estímulo irá te ajudar a se manter acordado por mais algumas horas. Além disso, evite
estudar com o rosto apoiado no braço, ou com postura relaxada e confortável demais.

Para que o seu corpo não fique relaxado o suficiente para gerar a sonolência.

 

6. Mascar chiclete

 

O ato de mastigar ativa o nervo trigêmeo, que possui relação com áreas do cérebro que te
ajudam a se manter acordado. Isso acontece porque o corpo entende que você deve se manter
alerta até parar de mastigar.

Essas seis dicas irão te ajudar a saber o que fazer para não sentir sono, mas para muitos a
curiosidade é se estudar com sono adianta? Ou se estudar com sono faz mal?

Na realidade é sempre importante realizar auto avaliação, e entender que o processo para se
acostumar com a rotina de estudos para concursos é gradual.

Não adianta achar que no primeiro dia de estudos você irá conseguir abrir mão de 6 ou 8 horas
do seu dia e se manter assim durante 3 meses.

Comece sempre com menos horas, e vá aumentando seu horário de estudos aos poucos e
sempre realize pausas de 10 u 15 minutos a cada 2 horas de estudo, para que você possa
caminhar, ir ao banheiro, se alimentar.

Entenda, que o estudo precisa estar associado a algo prazeroso para que o seu cérebro não
sabote a atividade te fazendo sentir sono, preguiça ou desânimo.

Estudar com sono não faz mal, mas poderá não ser tão eficiente quanto seria se você tivesse
dormido bem a noite anterior do ponto de vista da memorização e concentração com relação
ao conteúdo estudado.

Vou utilizar todas as dicas, mas porque eu sinto sono quando estudo, mesmo tendo dormido
bem?

O sono durante os estudos é algo complexo, e que pode estar relacionado a vários fatores.
Um deles é que apesar de você ter dormido as horas necessárias talvez a qualidade do seu sono
esteja inferior ao que o corpo necessita para se recuperar.

Portanto, procure melhorar o seu quarto! O ambiente deve ser isolado de ruídos e de
luminosidade para que você consiga atingir o sono profundo durante a noite.

Além disso, ter uma rotina é essencial para que o corpo se acostume que existe um horário para
dormir e um horário para despertar, ajustando assim seu relógio biológico.

Portanto, aproveite as dicas de como não sentir sono para estudar, e adeque seu ambiente e
seu comportamento para condicionar seu corpo aos seus estudos e conseguir sua aprovação.

Você conhece os melhores cursos preparatórios para concursos?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.